Domingo, 29 de Abril de 2018

The Big Short

 

 

Se alguém ainda tiver interesse em perceber alguns dos contornos que levaram à "crise do suprime" de 2008-09, recomenda-se então que veja o filme The Big Short (2015). Baseado num livro best-seller do jornalista Michael Lewis, descrevendo factos e as personagens reais que anteciparam o incumprimento das hipotecas imobiliárias, este filme é um tratado sobre o "lixo" financeiro inimaginável que andava a ser negociado em Wall Street.

 

Neste diálogo, em que Steve Carrel faz de Mark Baum, que na vida real é Steve Eisman, um conhecido gestor de fundos de risco, é elucidativo de como o sistema funcionava. Até para um homem como Baum (Eisman, na verdade), o que se estava a passar era incompreensível. A cena desenvolve-se quando ele decide ir à agência de rating Standard & Poors, para tentar perceber porque razão as obrigações de subprime continuavam com rating AAA, quando todo o mercado hipotecário associado a este tipo de produtos estava a colapsar. A conversa é hilariante, mas ilustrativa do jogo viciado que se jogava (e, de certa forma, ainda se joga) em Wall Street.

 

Publicado por Alexandre Guerra às 21:41
link do post | comentar
partilhar

About

O Diplomata é um blogue individual e foi criado em Fevereiro de 2007, mantendo, desde então, uma actividade regular na blogosfera.

Facebook

O Diplomata

Promote Your Page Too

subscrever feeds

Contacto

maladiplomatica@hotmail.com

tags

todas as tags

pesquisa

arquivos