Terça-feira, 9 de Outubro de 2012

Só mesmo no México é que se rouba às autoridades o corpo do fundador de um cartel

 

O Diplomata escreveu há uns dias um texto sobre o problema da droga no México, destacando o papel violento de alguns cartéis, nomeadamente o do Los Zetas, tendo o caracterizado como um "dos maiores cartéis do México, sendo conhecido pela sua violência, dizendo-se que costuma desmembrar as suas vítimas quando ainda estão vivas. Foi fundado por ex-soldados e além da droga, dedica-se à extorsão, raptos e tráfico humano".

 

Nesse mesmo texto o autor destas linhas sublinhava a violência que assola algumas regiões do México por causa da guerra declarada pelas autoridades e por causa dos conflitos entre os cartéis rivais.

 

No âmbito dessa sangrenta guerra governamental aos cartéis, elementos da marinha mexicana abateram mortalmente o fundador dos Los Zetas, Heriberto Lazcano, no Domingo, tendo a sua identidade sido confirmada esta Terça-feira. Mas a situação chegou a tal ponto que horas depois foram as próprias autoridades mexicanas a anunciar que o corpo de Lazcano tinha sido foi roubado por um bando armado.  

 

Publicado por Alexandre Guerra às 21:26
link do post | comentar
partilhar

About

Da autoria de Alexandre Guerra, o blogue O Diplomata foi criado em Fevereiro de 2007, mantendo, desde então, uma actividade regular na blogosfera.

Facebook

O Diplomata

Promote Your Page Too

subscrever feeds

Contacto

maladiplomatica@hotmail.com

tags

todas as tags

pesquisa

arquivos