Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Diplomata

Opinião e Análise de Assuntos Políticos e Relações Internacionais

O Diplomata

Opinião e Análise de Assuntos Políticos e Relações Internacionais

Pirataria, uma profissão que já teve melhores dias

Alexandre Guerra, 15.01.14

 

 

Os piratas já tiveram melhores dias nas águas do Corno de África, a julgar pelos números divulgados pelo International Maritime Bureau (IMB). Depois da pirataria ter atingido o seu pico ao largo da Somália em 2011, com 237 ataques, no ano passado ficou-se apenas pelas 15 ocorrências, depois de 2012 já ter verificado uma descida para 72.

 

O patrulhamento internacional daquele mar parece ter resultado e dissuadido os piratas a mudar de águas ou, eventualmente, a mudar de profissão.

 

Ao nível global, os números também são positivos, tendo a pirataria atingido o seu nível mais baixo em seis anos, com o registo de 264 ataques em 2013, dos quais resultaram 300 reféns. 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.