Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Diplomata

Opinião e Análise de Assuntos Políticos e Relações Internacionais

O Diplomata

Opinião e Análise de Assuntos Políticos e Relações Internacionais

Um ornitólogo com licença para espiar

Alexandre Guerra, 28.03.13

 

 

O MI5, agência britânica dos serviços secretos internos, tem um novo director-geral, Andrew Parker. Curioso, é o facto de o novo homem forte da contra-espionagem inglesa, há mais de 30 anos no MI5, ser ornitólogo de formação. Para quem gosta destas coisas, o Diplomata relembra que James Bond, o verdadeiro e aquele que inspirou Ian Fleming para o nome do seu agente 007, era um reputado ornitólogo americano, nascido em 1900 na cidade de Filadélfia. 

 

Fleming, um entusiasta da "bird watching" nas Caraíbas, viu pela primeira vez o livro de James Bond, "Birds of the West Indies", na Jamaica. Inspirou-se imediato naquele nome para baptizar o espião mais famoso do mundo, que se estrearia em Casino Royale, o primeiro livro de Fleming da saga 007.