Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Diplomata

Opinião e Análise de Assuntos Políticos e Relações Internacionais

O Diplomata

Opinião e Análise de Assuntos Políticos e Relações Internacionais

Barack Obama reorganiza "staff" e começa campanha em estados republicanos

Alexandre Guerra, 08.06.08




                                    H. Darr Beiser/USA Today


Depois de ter recebido o apoio de Hillary Clinton, o candidato democrata Barack Obama já começou a preparar a sua "máquina" eleitoral para o embate com John McCain. Além de estar a reorganizar e a reconfigurar a sua equipa para a campanha presidencial propriamente dita, a partir desta Segunda-feira Obama dará início uma ronda de duas semanas por alguns estados tradicionalmente republicanos.



A primeira paragem é na Carolina do Norte, seguindo depois para o Missouri, devendo também deslocar-se a Montana e à Georgia. Ao imiscuir-se em território republicano, Obama está a abrir as hostilidades na corrida à Casa Branca. De tal forma, que, segundo o New York Times de hoje, Obama está a rodear-se de consultores e assessores que obtiveram importantes vitórias eleitorais no campo democrata, nomeadamente para Hillary Clinton.



Perspectivando uma intensa (e suja) batalha eleitoral, Obama poderá ainda recrutar pessoas ao campo inimigo, como é o caso de Dan Carrol, que em 1992 ficou famoso por ter conseguido reunir informação sensível sobre Bill Clinton. Desta vez, o visado poderá ser McCain.



De acordo com David Axelrod, principal conselheiro de Obama, tudo isto se insere no princípio de que muito informação comprometedora virá a público nos próximos meses, quer para o campo democrata, quer para o campo republicano. A questão vai ser qual das campanhas estará mais bem preparada para lidar com isso. 



O Washington Post deste Domingo referia que as eleições presidenciais de 2008 vão colocar frente a frente a mais bem organizada campanha eleitoral dos tempos modernos do Partido Democrata e a "máquina de combate" devidamente testada do Partido Republicano. Alexandre Guerra
  

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.