Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Diplomata

Opinião e Análise de Assuntos Políticos e Relações Internacionais

O Diplomata

Opinião e Análise de Assuntos Políticos e Relações Internacionais

As radiações de baixa intensidade no quotidiano das pessoas e o seu potencial risco

Alexandre Guerra, 05.05.12

 

 

Uma das grandes questões em torno da problemática do nuclear é o facto de, muitas das vezes, centrar sobre si todo o debate, ofuscando outras matérias que, provavelmente, possam ser mais relevantes para o quotidiano das pessoas. 

 

Normalmente, existe uma tendência para se associar de imediato o potencial perigo de radiações à energia nuclear, mas a verdade é que esse problema praticamente não se coloca para às pessoas, uma vez que raramente estão em contacto com aquele tipo de tecnologia.

 

Já quanto às radiações de baixa intensidade, aqui a questão assume outros contornos, visto que diariamente as pessoas são sujeitas a inúmeros riscos, alguns deles podendo ser potencialmente cancerígenos.

 

É precisamente ao risco da radiação que cada pessoa enfrenta no seu dia a dia que a Bulletin of the Atomic Scientists dedicou um dossier especial na sua edição de Maio/Junho. São vários artigos que podem ser consultados gratuitamente durante o mês de Maio dos quais o Diplomata seleccionou alguns: 

 

Special issue on the risks of exposure to low-level radiation

 

The scientific jigsaw puzzle: Fitting the pieces of the low-level radiation debate

  

Unmasking the truth: The science and policy of low-dose ionizing radiation

 

The social amplification of risk and low-level radiation

 

The perception gap: Radiation and risk