Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Diplomata

Opinião e Análise de Assuntos Políticos e Relações Internacionais

O Diplomata

Opinião e Análise de Assuntos Políticos e Relações Internacionais

Sinais preocupantes para Obama vindos de Brooklyn e de Queens

Alexandre Guerra, 14.09.11

 

O republicano Bob Turner, ontem à noite, a festejar a conquista do seu lugar no Congresso/Foto:AP

 

O Presidente Barack Obama e toda a sua equipa de reflexão política deverão começar a analisar com muita atenção os sinais que estão a ser dados por algum eleitorado tradicionalmente democrata. Sobretudo quando alguns destes sinais representam viragens históricos no mapa político democrata dos Estados Unidos.

 

Aquela que seria uma corrida eleitoral ganha à partida pelo democrata David I. Weprin, para substituir o seu correligionário Anthony D. Weiner na Câmara dos Representantes do Congresso pelo estado de Nova Iorque, acabou por revelar-se uma desilusão para os democratas e para Obama.

 

De acordo com os resultados já conhecidos, Bob Turner, republicano pouco conhecido e homem de negócios de Queens, bateu Weprin nas urnas, galvanizando a liderança a nível nacional do Grand Old Party, que deverá fazer desta vitória mais um motivo de ataque às políticas seguidas por Obama.

 

Os republicanos deverão aproveitar ainda o facto da derrota Weprin ter acontecido num círculo eleitoral tradicionalmente democrata (com um rácio de três democratas para um republicano), que ocupa partes de Brooklyn e de Queens, e que desde os anos 20 nunca deu uma vitória ao GOP.

 

Obama tem muitas razões para estar preocupado, já que Weprin, além de ter partido para a campanha com mais fundos (500 mil) do que o seu adversário (200 mil), contou com o apoio de figuras de relevo do Partido Democrata, tais como o antigo Presidente Bill Clinton.

 

Estas eleições foram convocadas depois de Weiner se ter demitido no âmbito do escândalo em que se envolveu na sequência de mensagens eróticas trocadas no Twitter.

 

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.